Os Dançarinos

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

A Guerra dos Sexos


"cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é".

O verso acima é parte da música 'Dom de Iludir', de Caetano Veloso, mas na verdade foi 'emprestado' do livro 'Dom Quixote de La Mancha', de Miguel de Cervantes. Caetano pagou pelos direitos autorais? Citou a fonte? Claro que não. Independente de domínios, toda criação é inerente ao compartilhamento. Nada é criado no vácuo. Reza a lenda que Paul McCartney teria dito, parodiando a máxima de Lavoisier: Se na natureza nada se perde, tudo se transforma; na música nada se cria, tudo se copia. Compartilho.

Tenho participado de muitas conversas sobre leis de direitos autorais. Papo chato para muitos, eu sei, mas como autor, eu preciso me interar e me posicionar sobre o assunto. A questão é complexa. Temos uma lei retrógrada que não condiz, apesar de pretensiosamente tentar prever o futuro, com a atual realidade da música digital. Mas como mudar uma lei que regulamenta uma indústria de bilhões de dólares. A paz no Oriente Médio me parece mais fácil.

Enfim, este não era o meu assunto aqui. Tudo isso só me veio à cabeça por conta do verso que abriu o texto, e acabei me excedendo, e me perdendo. Na verdade, eu queria escrever sobre essa eterna guerra entre os sexos. Homens X Mulheres.

Todo papo de bar que se preze passa pelo assunto, e já ouvi tantas bobagens a respeito, que hoje afirmo: É impossível para os homens entender as mulheres e vice-versa. De qualquer forma não levo essa guerra a sério. No fim das contas o que vale é que, nestas discussões acaloradas, sempre aparecem alguns argumentos/tiradas que arrancam risadas. Como certa vez quando uma amiga falou: "pelo menos as mulheres não têm problemas sexuais por causa da idade", e um amigo arrematou de primeira: "pode até ser, mas têm problemas para arranjar parceiros sexuais por causa da idade". Até a menina riu... É. Saber rir de nossas diferenças é o melhor exercício de tolerância.

Não leve a mal. Se me fosse possível condensar, num único pensamento, tudo o que eu vivi e observei nessa relação faiscante entre os sexos, eu diria:

As mulheres sempre esperam que os homens mudem, mas eles não mudam.
Os homens sempre esperam que as mulheres não mudem, mas elas mudam.

A frase acima seria de minha autoria? Bem, eu me apropriei de ideias alheias, remixei, reorganizei, enfim... o jogo sempre termina empatado. Grazie a Dio!

...e cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é.


15 comentários:

  1. Interessante sua reflexão.

    Me chamou a atençao o "ideograma".
    Sobre ele eu postei uma vez em: A Localização do amor, em http://mesdre.blogspot.com/2009/10/localizacao-do-amor.html

    ResponderExcluir
  2. Gian,

    Não é a primeira vez que o Caetano utiliza de outros autores, para produzir músicas...já li um reportagem acusando o Caetano de plágio sobre a música Nosso Estranho Amor. Não se é verdade. Mas veja depois nesse link aqui no youtube:

    http://www.youtube.com/watch?v=2YngWd-iA7Y


    abração

    ResponderExcluir
  3. Oi, meu lindo!
    Vou dizer uma coisa que talvez as feministas mais ferrenhas não gostem. Nesse negócio de "muda-não-muda", quem muda e dá um nó na cabeça alheia são as mulheres. Explico a causa: NOSSOS HORMÔNIOS. Vivemos numa "gangorra hormonal" difícil de lidar. Tem dias, que nem eu me aguento! Dias que, se eu pudesse, me separava de mim por uma semana! Já em outros dias, pratico a tolerância e me antecipo às piadas de loiras (sou loira!) que meus amigos fazem na sequência a uma bobagem minha. Vou já justificando: "gente, me dá um desconto, eu sou loira!", ou eu mesmo cantarolo a músiquinha do Gabriel, o Pensador: "loira burra"... e caio na gargalhada!
    Beijão para você, lindão!

    ResponderExcluir
  4. Por isso mesmo já deixei de tentar entender vocês, homens. E na verdade é mais gostoso assim. Saber o que o outro pensa e quer não daria essa deliciosa aventura, de cada dia.

    E muito bom ver textos brotando aqui, como outrora.

    Cheiro querido.

    ResponderExcluir
  5. Oi Gian, hj, coloquei no blog uma música sua que eu amo...e nem sabia que era sua tb...Mas sabe? Vou te contar um segredinho: mulheres mais velhas têm problemas sexuais sim! Criou-se um mito em torno disso, por que mulher não conta essas coisas umas pras outras: a menopausa chega com uma queda substancial da libido, a falta de estrogênio causa desconforto na hora do amor, etc, etc...Estou queimando ainda mais o filme das "maduras", mas fazer o que? É a verdade nua e crua da vida. Hj entendo perfeitamente pq os cinquentões procuram mulheres mais jovens...Não estou justificando, apenas entendo.
    Quanto às licenças poéticas ou "apropriação" das ideias alheias, acho que isso é muito relativo...as ideias estão no ar...acredito no inconsciente coletivo. Às vezes pensamos que tivemos uma ideia genial, mas ela já tinha sido dita, escrita, cantada por outra pessoa há tempos...enfim...Freud explica, beijão

    ResponderExcluir
  6. Síntese bem interessante, embora eu prefira acreditar que todo mundo possa mudar, sim, inclusive homens. Deve ser um pouco chato viver a vida toda sendo o mesmo.

    ResponderExcluir
  7. ...traigo
    sangre
    de
    la
    tarde
    herida
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    COMPARTIENDO ILUSION
    GIAN FABRA

    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...




    ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE MONOCULO NOMBRE DE LA ROSA, ALBATROS GLADIATOR, ACEBO CUMBRES BORRASCOSAS, ENEMIGO A LAS PUERTAS, CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER ,CHOCOLATE Y CREPUSCULO 1 Y2.

    José
    Ramón...

    ResponderExcluir
  8. Certa vez vi que O Caetano tinha feito uma intertextualidade com a música "Pra que mentir?" do Noel Rosa... Enfim, gostei do texto e das reflexões! :)

    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Olá adorei teu blog, lindo mesmo. Parabéns. Fique a vontade para fazer uma visitinha ao nosso e seja mais um membro. Você é nosso convidado especial. http://poetarenatodouglas.blogspot.com/.
    Um grande abraço!

    Renato Douglas!

    ResponderExcluir
  10. Gião,
    Vc é sensasional...
    depois me diz que não preciso nem pedir quando peço permissão pra postar seu poema.
    E quanto aos homens e mulheres... vamos morrer tentando entender vcs e vcs pensando que nos entendem, não sei porque os homens sempre acham que sabem de tudo que está na cabeça das mulheres... e não passam nem perto!!
    "As mulheres sempre esperam que os homens mudem, mas eles não mudam.
    Os homens sempre esperam que as mulheres não mudem, mas elas mudam."
    GENIAL ISSO

    Beijo da Foca ensopada de chuva!!

    ResponderExcluir
  11. Nossa muito lindo o blog...
    Te achei no Blog da minha amiga Priscila Marfori...
    Ja estou te seguindo, se puder me siga também.
    bejos

    ResponderExcluir
  12. Adoro falar sobre esta guerra...
    Adorei você discursando sobre ela..
    Belo blog!
    Sigo-lhe.

    ResponderExcluir